Menus Paginas

Delta Cuba, o Café que nos faz viajar até Cuba


Um blend raro, criado nas montanhas insulares de cuba, sombreado por árvores centenárias e iluminado pela tradição de gerações chega agora ao mercado.
Da alma do povo cubano, nasce assim um café inspirador, pela sua envolvente e dedicada fragrância, ritmada de notas cítricas e um doce sabor intenso – Delta Cuba.
O Lote Cuba vem reforçar a gama Origens da Delta Cafés, numa edição inovadora e limitada que nos faz viajar a cada chávena para um destino colorido e quente, para um país com uma cultura vibrante, sem sair de casa.
O Lote Cuba, de 220 g., moagem universal, é um novo blend autêntico que resulta das melhores origens, num apelo à qualidade, sofisticação e cores cubanas.
Um café único, que pretende enaltecer o que existe de melhor, a arte de saber fazer Café, aliando a qualidade singular da Delta Cafés e os seus valores como a Inovação eExpertise.
Disponível a partir de hoje nos Hipers e Supers, o Delta Cuba promete surpreender os consumidores com um Café que leva o calor cubano ao dia-a-dia dos portugueses, proporcionando uma experiência exclusiva e rica em sabores cubanos.

Incêndios que devastaram o País este domingo matam 27 pessoas. Ainda há 30 concelhos em "risco máximo de incêndio" no dia de hoje

Foto: publico.pt

A Protecção Civil confirmou que 27 pessoas morreram na sequência dos 523 incêndios que devastaram o País este domingo. Segundo Patrícia Gaspar, da Autoridade Nacional da Protecção Civil (ANPC), os mortos foram registados nos distritos de Coimbra, Castelo Branco; Guarda e Viseu.
Os incêndios provocaram ainda dezenas de feridos e centenas de desalojados. A Protecção Civil sublinha que este dia trágico bateu todos os recordes com 524 ocorrências.
Há ainda 150 incêndios activos, combatidos por mais de 4000 operacionais, cerca de 1300 veículos e dois meios aéreos.
O distrito de Portalegre também não escapou às chamas, este domingo foram registados dois incêndios rurais, em Castelo de Vide e Ponte de Sôr.
O fogo no concelho de Ponte de Sôr, na localidade de Carvalhoso, foi o que motivou mais preocupação, deflagrou durante a tarde e foi combatido por mais de uma centena de bombeiros de todas as corporações do distrito de Portalegre.
O fogo entrou em rescaldo às 00:15 e em vigilância às 07:30 desta manhã, mantêm-se no local meia centena de bombeiros.
Esta segunda-feira, há 30 concelhos em "risco máximo de incêndio", segundo o Instituo Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). São concelhos que pertencem aos distritos de Faro, Portalegre, Santarém, Castelo Branco, Guarda, Coimbra e Bragança, fortemente afectados por fogos.

Homenagem aos Membros Fundadores do Centro de Dia e Lar de Nª Srª da Graça dos Degolados


Decorreu na manhã de ontem, dia 15 de Outubro, em Degolados, uma homenagem aos Membros Fundadores do Centro de Dia e Lar de Nª Srª da Graça dos Degolados.
A Homenagem contou com a presença do Presidente do Município de Campo Maior, Ricardo Pinheiro, do Comendador Rui Nabeiro, um dos membros fundadores desta instituição, do Presidente da Assembleia Municipal, Pedro Murcela, de Carlos Laranjo, Director da Segurança Social do Distrito de Portalegre e de algumas dezenas de degoladenses e campomaiorenses que fizeram questão de participar nesta homenagem.
Nesta cerimónia foi entrega uma pequena lembrança a todos os membros fundadores ainda em vida e aos familiares daqueles que já não se encontram entre nós.

Incêndio na estrada de Ouguela, à saída de Campo Maior consumiu pasto e canavial

Um incêndio na estrada de Ouguela, à saída de Campo Maior (em frente aos antigos secadores de tabaco), ao início da noite de hoje, dia 15 de Outubro, cerca das 20h30, consumiu cerca de 100 metros de pasto e um canavial junto a um ribeiro, perto da berma da estrada.
As chamas, que não chegaram a nenhum dos locais onde existem habitações, foram combatidas, e dominadas, por duas viaturas de combate a incêndios e oito elementos dos Bombeiros Voluntários de Campo Maior que prontamente se deslocaram para o local.
Fotos: Armando Aranha

Tomada de Posse dos membros da Assembleia e Câmara Municipal de Campo Maior teve lugar na tarde de hoje, no Centro Cultural


O Centro Cultural de Campo Maior de Campo Maior foi o local escolhido para a realização das sessões de instalação da nova Assembleia Municipal e tomada de posse dos seus membros, bem como para a tomada de posse dos membros do novo Executivo Municipal, liderado por Ricardo Pinheiro. A sessão solene decorreu na tarde de hoje, dia 15 de Outubro, pelas 17 horas.
Foram várias as personalidades, quer de Campo Maior quer de outras localidades, que marcaram presença no auditório do Centro Cultural que encheu para assistir às cerimónias.
Em primeiro lugar tomou posse o executivo Municipal para o quadriénio 2017/2021, liderado por Ricardo Pinheiro com os vereadores João Muacho, Luis Rosinha e Vanda Gorino, eleitos pelo PS, e Paulo Ivo Almeida, eleito pela CDU. O Presidente da Câmara, que agora inicia o seu terceiro mandato, nas suas breves palavras, agradeceu a todos os campomaiorenses a confiança lhe deram para mais um mandato e sublinhou aquela que considerou como palavra chave "a cooperação. A cooperação entre todas as instituições do concelho para poder responder aos desafios que se colocam no futuro", destacando o "microclima empresarial existente no concelho que é fundamental para o desenvolvimento", afirmou.
De seguida teve lugar a constituição da nova Assembleia Municipal que, após a tomada de posse realizou a primeira sessão, para escolher a constituição da mesa. Depois da votação das duas listas apresentadas, saiu vencedora a do PS, que está em maioria, sendo eleitos Pedro Murcela como Presidente, Jorge Grifo como 1º Secretário e Anabela Carrilho como 2º Secretário.
No final, encerrando a sessão solene, o Presidente da Assembleia, Pedro Murcela, começou por agradecer a todos os campomaiorenses, fazendo um destaque especial ao Comendador Rui Nabeiro - que foi aplaudido por um auditório de pé. De seguida anunciou "o compromisso da "casa da democracia" em utilizar os instrumentos de transparência e seriedade, na procura de soluções para os problemas da comunidade", prometendo uma Assembleia "fiscalizadora, atenta e responsável".



Notícia relacionada:

Grupo "Ceifeiras de Degolados" assinalou 10º aniversário com um desfile pelas ruas da Freguesia de Degolados


O Grupo de "Ceifeiras de Degolados", assinalaram hoje o 10º aniversário da sua constituição, com um desfile pelas ruas da Freguesia de Degolados e um almoço convívio, onde esteve o Grupo das "Pedrinhas de Arronches". No decorrer do desfile pelas artérias da freguesia, o Grupo visitou várias instituições, entre as quais o Lar de Degolados, onde fizeram uma pequena actuação e foram fortemente aplaudidos pelos utentes.
As "Ceifeiras de Degolados" formaram-se em Agosto de 2007, por ocasião do desfile etnográfico em Degolados e efectuaram a sua primeira actuação em 14 de Dezembro 2007 no programa do "Natal dos Hospitais" em Arronches.
Actualmente este grupo conta com 13 elementos - já chegaram a ser 18 -, e para além das vozes, a nível de instrumentos, apresenta dois acordeões, cinco pandeireitas, dois cartuchinhos, duas castanholas, um ferrinhos e um bombo.
Desde a sua formação o Grupo tem sido requisitado para efectuar várias actuações, quer em Campo Maior quer noutros pontos do nosso país. Desta forma, através da música tradicional e popular, o Grupo as "Ceifeiras de Degolados", transporta o nome da Freguesia de Degolados, e de Campo Maior, pelo país fora.

Dia Mundial da Alimentação assinalado com o tema “Mude o futuro da migração. Investir na segurança alimentar e no desenvolvimento rural”


O Dia Mundial da Alimentação celebra-se anualmente a 16 de Outubro.
O dia 16 de Outubro marca o dia da fundação da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura, em 1945.
A celebração do Dia Mundial da Alimentação foi estabelecida em Novembro de 1979 pelos países membros na 20ª Conferência da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura. Neste dia realizam-se muitas actividades relacionadas com a nutrição e a alimentação, com a participação de cerca de 150 países, incluindo Portugal. Todos as actividades e informações podem ser encontradas no site FAO.
Neste ano, o tema proposto pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) traz como tema “Mude o futuro da migração. Investir na segurança alimentar e no desenvolvimento rural.”
“O mundo está em constante movimento. Hoje e devido ao aumento de conflitos e instabilidade política, foram forçadas a fugir de suas casas mais pessoas do que em qualquer momento desde a Segunda Guerra Mundial. No entanto, a fome, a pobreza e um aumento de eventos climáticos extremos relacionados às mudanças climáticas são outros factores importantes que contribuem para o desafio de migração.
Grandes movimentos de população hoje apresentam desafios complexos que requerem uma acção global. Muitos migrantes chegam em países em desenvolvimento, criando tensões onde os recursos já são escassos, mas a maioria, cerca de 763 milhões movimento dentro de seu próprio país, em vez de no exterior.
Três quartos das pessoas em situação de extrema pobreza baseiam sua subsistência na agricultura e outras actividades rurais. Criando condições que permitam, especialmente os jovens, ficar em casa quando eles sentem que é seguro e que tem meios de vida mais resistentes, as populações rurais é um componente crucial de qualquer plano para realizar o desafio da imigração.
O desenvolvimento rural pode abordar fatores que forçam as pessoas a mover a criação de oportunidades de negócios e empregos para os jovens que não são apenas baseadas em culturas (como a pequena leiteira ou produção de aves, processamento de alimentos ou empresas hortícolas ). Ele também pode levar a uma maior segurança alimentar, a vida significa melhor acesso mais resistente, à protecção social, reduzindo os conflitos sobre recursos naturais e soluções para a degradação ambiental e as mudanças climáticas.
Ao investir no desenvolvimento rural, a comunidade internacional também pode aproveitar o potencial de migração para apoiar o desenvolvimento e aumentar a resiliência das comunidades de acolhimento e deslocados, lançando assim as bases para a recuperação a longo prazo e crescimento inclusivo e sustentável .
FAO está trabalhando com governos, agências da ONU, o setor privado, sociedade civil e comunidades locais para gerar evidências sobre padrões de migração e está a reforçar a capacidade dos países para abordar a migração por políticas de desenvolvimento rural . Nós ajudar os governos e parceiros como eles exploram o potencial de desenvolvimento da migração, especialmente em termos de segurança alimentar e redução da pobreza.

Migração e Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

A migração é parte do processo de desenvolvimento, como economias sofrem transformação estrutural e pessoas em busca de melhores oportunidades de emprego no seu país e além das suas fronteiras. O desafio é abordar os factores estruturais de grandes movimentos populacionais para fazer seguro migração, ordenada e regular. Assim, a migração pode contribuir para o crescimento económico e melhorar a segurança alimentar e meios de subsistência rurais, promovendo assim o progresso dos países em alcançar o desenvolvimento sustentável do Milênio.”

Para mais informações sobre O Dia da Alimentação e Acções da FAO, acesse: http://www.fao.org/world-food-day/2017/theme/es/
Fonte: FAO

"Cãominhada" e Picnic promovidos pelo Grupo de Amigos dos Animais de Campo Maior decorreu hoje em Campo Maior


Teve lugar na tarde de hoje uma "Cãominhada" e um Picnic que juntou algumas dezenas de pessoas em Campo Maior, em passeio com os seus fieís amigos.
Esta iniciativa, promovida pelo Grupo dos Amigos dos Animais de Campo Maior, teve como objectivo assinalar o Dia Mundial do Animal. A seguir à "cãominhada", houve lugar um picnic de convívio entre os participantes, no recinto das Escolas do Bairro Novo.

Tomada de Posse da Assembleia e Câmara Municipal de Campo Maior decorre amanhã no Centro Cultural, pelas 17 horas


Amanhã, Domingo, dia 15 de Outubro terá lugar a segunda ronda de tomadas de posse dos restantes órgãos autárquicos de Campo Maior no Auditório do Centro Cultural de Campo Maior, onde serão empossados os membros da Assembleia Municipal e os membros do Executivo Municipal, numa sessão que terá início às 17h00.
Será dada posse aos 18 membros da Assembleia Municipal, 15 eleitos mais os 3 Presidentes das Juntas de Freguesia, por inerência dos cargos, para os quais foram ontem empossados.
Depois de constituída a Assembleia Municipal, será dada posse aos 5 membros do novo Executivo Municipal, liderado por Ricardo Pinheiro.





Farmácia Campo Maior vai abrir brevemente com novas instalações na Av. Calouste Gulbenkian


A Farmácia Campo Maior vai abrir brevemente com novas instalações. Actualmente a Farmácia situa-se na Rua da Misericórdia e está prestes a mudar-se para as novas instalações, na Av. Calouste Gulbenkian.
As obras do novo espaço estão a decorrer em bom ritmo e, segundo Margarida Mendes Palmeiro, proprietária da Farmácia "se não houver nenhum imprevisto vamos abrir no dia 23 de Outubro". Com um novo espaço, a Farmácia Campo Maior aposta nas novas tecnologias e vai ser das muito poucas farmácias no Alentejo a utilizar um sistema de gestão e despensa de medicamentos robotizado, completamente automatizada.
Depois das vistorias efectuadas pelas entidades ligadas a este tipo de actividade, a Farmácia Campo Maior recebeu já "luz verde" para a abertura das novas instalações.

Tomada de posse dos membros das Assembleias e Juntas de Freguesia decorreu na tarde de hoje

Florival Cirilo, Miguel Tavares e João Rosinha, Presidentes das Juntas de Freguesia de Degolados, São João Baptista e Nª Srª da Expectação respectivamente,
tomaram hoje posse depois de terem sido reeleitos nas eleições Autárquicas de 1 de Outubro

Tomaram posse esta tarde, no Salão Nobre dos Paços do Concelho de Campo Maior, as Assembleias de Freguesia das Juntas de Nossa Senhora da Expectação, São João Baptista e Nossa Senhora da Graça dos Degolados, e foram constituídos os executivos das respectivas Juntas de Freguesia.
As sessões solenes para o efeito, decorreram no Salão Nobre dos Paços do Concelho em Campo Maior.

Fotos: Município de Campo Maior






















Notícia relacionada:

Parlamento aprova possibilidade de animais de estimação em espaços de restauração


Parlamento aprovou projectos do PAN, do BE e do PEV que possibilitam a permissão de animais de companhia em estabelecimentos de restauração.

A Assembleia da República aprovou esta sexta-feira projectos do PAN, do BE e do PEV que possibilitam a permissão de animais de companhia em estabelecimentos fechados de restauração, para além dos cães de assistência já autorizados por lei. Os projectos, apesar de todos aprovados, mereceram votações distintas e tiveram, em várias bancadas, votos de deputados desalinhados da posição oficial do seu partido.
O projeto do PAN nasceu de uma petição remetida ao parlamento pelo deputado único André Silva e visa alterar legislação de 2015, que não permite a entrada de animais em espaços fechados de restauração e bebidas, mesmo que o proprietário do estabelecimento o autorize. A iniciativa do PAN pretende passar a decisão de autorização para os proprietários dos estabelecimentos comerciais, salvaguardando que os animais não tenham acesso a áreas de maneio e confecção de alimentos.
Este diploma contou com os votos favoráveis de PS, CDS-PP, BE, PCP e PEV, além do partido proponente. Contra votaram uma deputada do CDS-PP, Ilda Araújo, e duas deputadas do PS, Maria da Luz Rosinha e Wanda Guimarães. Abstiveram-se o PSD, bem como três deputados do PS e outros quatro do CDS-PP. O projecto do BE, que defende a possibilidade de os estabelecimentos criarem uma área específica para acolher animais de companhia, devidamente sinalizada, teve uma votação quase idêntica: as mesmas bancadas votaram favoravelmente, o PSD absteve-se, bem como deputados do PS e do CDS-PP. Apenas teve o voto contra da deputada do CDS-PP Ilda Araújo. Já o projecto do Partido Ecologista “Os Verdes”, que salvaguarda no seu projecto aspectos como o porte e comportamento dos animais, que não pode causar transtorno para os restantes clientes do espaço, teve uma votação mais abrangente: todas as bancadas votaram a favor, registando-se o voto contra da mesma deputada do CDS-PP e três abstenções de deputados socialistas.
Os três projectos foram aprovados na generalidade baixando agora à discussão na especialidade.

GNR promove Sessão de Prevenção Rodoviária, no Parque de Feiras e Exposições de Avis


O Comando Territorial de Portalegre, através do Posto Territorial Avis, em parceria com a Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Avis, amanhã, dia 14 de Outubro, pelas 10:00 horas, promove uma Sessão de Prevenção Rodoviária, no Parque de Feiras e Exposições de Avis.
A iniciativa conta com o apoio do Município de Avis e do Agrupamento de Escolas de Avis, tendo o objectivo de sensibilizar a comunidade para as questões da sinistralidade rodoviária, apostando-se no desenvolvimento de um processo pedagógico que favoreça e desenvolva comportamentos, valores e atitudes, no sentido de uma utilização mais segura da via pública.
A actividade consiste numa Pista de Prevenção Rodoviária, através de um pequeno percurso rodoviário sinalizado, onde as crianças poderão ficar a conhecer algumas regras de trânsito, fazendo a sua aprendizagem com a ajuda de kart's a pedais. Os adultos terão a oportunidade de relembrar alguns conceitos e de esclarecer as suas dúvidas.
O Comando Territorial de Portalegre convida toda a população a juntar-se à iniciativa, em especial às crianças, que poderão participar na “Escolinha de Prevenção Rodoviária”.

Festival das Sopas, hoje a partir das 19h30 no Jardim de Infância "O Despertar" e Creche "Cantinho dos Sonhos"


A terceira edição do "Festival das Sopas" vai decorrer hoje, sexta-feira, dia 13 de Outubro, a partir das 19,30 horas, no Jardim de Infância o Despertar, em Campo Maior.
O Festival tem lugar nas instalações do Jardim de Infância "O Despertar". Desta forma, o Jardim de Infância e Creche "Cantinho dos Sonhos", valências da Santa Casa da Misericórdia de Campo Maior, convidam pais, familiares e a comunidade em geral para comemorar o dia da alimentação - que se assinala no dia 16 de Outubro-, degustando as várias qualidades de sopas que irão estar à venda no 3º Festival das Sopas. As receitas angariadas revertem para o Jardim de Infância e Creche.

Jantar Convívio do início das aulas da Academia Sénior de Campo Maior é hoje, na CURPI


Para assinalar o início das aulas do novo ano lectivo, da Academia Sénior da CURPI de Campo Maior, realiza um jantar convívio hoje dia 13 de Outubro, pelas 20 horas, nas instalações da CURPI Campo Maior.
Para além do jantar haverá animação musical com a actuação dos fadistas Maria do Rosário, António Vieira, António João Gonçalves, Arsénio Santana e Joel Moriano, acompanhados pelos guitarristas Nuno Cirilo e Domingos Galezio.

Poeiras do Norte de África atingem Portugal, alerta o Instituto do Mar e da Atmosfera


Uma concentração de poeiras vindas do Norte de África entra durante o dia de hoje em Portugal Continental, segundo o Instituto do Mar e da Atmosfera, o que pode implicar medidas de protecção reforçadas para as populações mais vulneráveis.
Segundo Patrícia Gomes, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), de acordo com a informação disponível no final da manhã, estas poeiras vindas do Norte de África “entram na circulação de um anticiclone que está centrado na região de Cádiz” e deverão subir por Portugal Continental, podendo chegar até à Madeira.
Contudo, sublinhou a meteorologista, a camada de poeiras é pouco espessa e, mesmo podendo alastrar para Norte, a maior concentração será sempre na região Sul.
A especialista do IPMA disse ainda que estas poeiras deverão manter-se em Portugal Continental até meio do dia de sábado.
Numa nota disponível no site da Direcção-Geral da Saúde (DGS) a propósito da poluição atmosférica, as autoridades já tinham alertado para “uma persistência das condições meteorológicas desfavoráveis à dispersão dos poluentes, nos próximos dias, com efeitos adversos na qualidade do ar, e a ocorrência de eventos naturais de partículas nas regiões do Alentejo e Algarve”.
Na mesma informação, recordam que nos últimos dias foram excedidos o limiar de informação ao público do ozono e os valores-limite de dióxido de azoto e partículas em suspensão nalgumas zonas do território do Continente.
Atribuindo a situação às condições meteorológicas e à influência dos incêndios florestais, as autoridades lembram que esta libertação de poluentes para a atmosfera tem efeitos na saúde humana, sobretudo nas populações mais vulneráveis: crianças, idosos, grávidas, pessoas com problemas respiratórios crónicos e doentes do foro cardiovascular.

“Violeta” um espectáculo de teatro/dança, homenagem à mulher e à criação, no Centro Cultural de Campo Maior dia 14 de Outubro


O Centro Cultural de Campo Maior , amanhã dia 14 de Outubro, pelas 21 horas, vai receber um espectáculo de teatro/dança "Violeta".
“Violeta” é um espectáculo de teatro/dança que se afirma como um canto universal e uma homenagem à mulher e à criação, que a Compañia Teatrapo Teatro (companhia profissional com 27 anos de trajectória), produziu em torno da vida e obra de Isadora Duncan.
Direcção de Eugenio Amaya e José Fernando Delgado
Textos de Miguel Murillo
Com: María Lama, Ana Rodríguez e J.Carlos Guajardo
Música de Paco Barjola
Coreografias de María Lama
Cenografia de Diego Ramos
Vestuário de Gala González
Criações Vídeo de Nuria Prieto
Iluminação de Fran Cordero
Dramaturgia de José Fernando Delgado 
Ajudante de direcção Jorge Moraga
Bilhetes à venda no Centro Cultural de Campo Maior.


Casal detido por tráfico de droga em Ponte de Sôr pela na GNR


O Comando Territorial de Portalegre, através do Posto Territorial de Ponte de Sôr, ontem, dia 12 de Outubro, naquela localidade, deteve um homem de 62 anos e uma mulher de 58 anos por tráfico de estupefacientes.
No âmbito de uma operação de fiscalização rodoviária os militares abordaram o casal que, depois de uma revista, se confirmou ter na sua posse 50 doses de heroína e 4,5 doses de cocaína.
Os detidos foram sujeitos a termo de identidade e residência.

Tomada de posse dos membros eleitos para os órgãos do poder local de Campo Maior decorre em duas sessões, nos dias 13 e 15 de Outubro


A tomada de posse dos membros dos vários órgãos do poder local em Campo Maior, resultante das Eleições Autárquicas do passado dia 1 de Outubro de 2017, vai ter lugar em várias sessões.
A primeira ronda vai decorrer no Salão Nobre dos Paços do Concelho da Câmara Municipal de Campo Maior amanhã, dia 13 de Outubro (Sexta-feira), onde será dada posse aos eleitos nas três Assembleias de Freguesia do concelho de Campo Maior.
Às 15h00 será dada posse aos 9 elementos que constituem a Assembleia de Freguesia de Nossa Senhora da Expectação.
Às 16h00 será dada posse aos 7 elementos que constituem a Assembleia de Freguesia de Nossa Senhora da Graça dos Degolados.
Às 17h00 será dada posse aos 9 elementos que constituem a Assembleia de Freguesia de São João Baptista.
Dia 15 de Outubro (Domingo) terá lugar a segunda ronda de tomadas de posse dos restantes órgãos autárquicos de Campo Maior no Auditório do Centro Cultural de Campo Maior, onde serão empossados os membros da Assembleia Municipal e os membros do Executivo Municipal, numa sessão que terá início às 17h00.
Será dada posse aos 18 membros da Assembleia Municipal (15 eleitos mais os 3 Presidentes das Juntas de Freguesia, por inerência dos cargos).
Será igualmente dada posse aos 5 membros do Executivo Municipal.

Exercicio "A Terra Treme" decorre amanhã, 13 de Outubro, para sensibilizar a sociedade para a própria protecção e segurança


Amanhã, dia 13 de Outubro, às 10:13 horas, realiza-se um exercício a nível nacional.
A TERRA TREME é um exercício público que visa sensibilizar e capacitar cada um de nós para saber o que fazer em caso de sismo. Trata-se de 3 gestos simples. 3 gestos que fazem a diferença entre a vida e a morte!
A TERRA TREME tem a duração de 1 minuto, durante o qual os participantes, individual ou colectivamente (famílias, escolas, empresas, instituições públicas e privadas) executam os 3 gestos de autoprotecção: BAIXAR – PROTEGER – AGUARDAR.
Este exercício é um ato de cidadania. Reclama o nosso empenhamento, pois cidadãos mais bem informados e empenhados na sua própria protecção e segurança contribuem para uma sociedade mais resiliente e preparada para enfrentar o risco sísmico.
Neste dia – 13 de outubro – celebra-se também o Dia Internacional de Redução das Catástrofes, que este ano tem como tema central “Home Safe Home: Reducing Exposure, Reducing Displacement”.
É importante que cada um de nós se envolva na promoção e assuma a causa do fortalecimento da cultura de protecção e segurança. Como bem testemunhámos pelo evento sísmico ocorrido há dias no México, nenhuma nação ou sociedade está livre deste perigo, razão pela qual a nossa mobilização em torno desta causa da protecção e segurança pode, e deve, começar pelos 3 gestos simples.